Menos 6% de mortes provocadas por diabetes em Portugal – APDP destaca intervenção dos cuidados de saúde

Segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), em Portugal, em 2014, registaram-se menos 6% de mortes causadas por diabetes face a 2013.

João Filipe Raposo, diretor clínico da Associação Protetora dos Diabéticos de Portugal (APDP) comentou estes dados recentemente divulgados, declarando que a diminuição de mortes com origem na diabetes são o resultado do desempenho e do trabalho desenvolvido ao longo dos últimos anos pelos profissionais dos cuidados de saúde junto da população com diabetes, e de uma melhor articulação entre os diferentes níveis de cuidados, nomeadamente através da criação das Unidades Coordenadoras Funcionais de Diabetes de todo o país e da APDP.

As estatísticas do INE indicam que as mortes motivadas por diabetes representam 4,1% da mortalidade no país. No total morreram, em 2014, 4275 pessoas por causa da diabetes, sendo a idade média ao óbito de 80,5 anos.

No ano em análise, as mulheres foram as principais vítimas (2422), registando-se uma relação de género de 76,5 óbitos masculinos por cada 100 femininos.

Olhando para a distribuição geográfica, verifica-se que as taxas mais elevadas situam-se nas regiões da Beira Baixa e Alentejo Central (88,2 e 72,6 respetivamente) e a mais baixa na região do Cávado (16,4).

A diabetes, apesar da diminuição de 6%, continua a ser a maior causa de morte no campo das doenças metabólicas.

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password