Valências

Bloco operatório

O bloco operatório da APDP é um bloco de cirurgia de ambulatório, ou seja, as pessoas entram, são operadas e tem alta no próprio dia. Assiste todas as pessoas com diabetes ocular seguidas na consulta de oftalmologia da instituição e que precisam de tratamento cirúrgico para a resolução ou controlo da complicação ocular da diabetes.

O espírito de missão do bloco de cirurgia de ambulatório da APDP funde-se com a missão da APDP, prestar cuidados cirúrgicos de qualidade, e construir uma relação terapêutica que permita cuidar da pessoa como um todo e não só do seu problema cirúrgico, promovendo um ambiente seguro e facilitador da confiança.

Conheça a nossa equipa

Icone APDP

Oftalmologistas

Ana Magriço

Ana Magriço

Ana Paixão

Ana Paixão

Francisco Trincão

Francisco Trincão

Mara Ferreira

Mara Ferreira

APDP

Manuel Noronha

Marco Dutra Medeiros

Marco Dutra Medeiros

Marco Liverani

Marco Liverani

Paula Leitão

Paula Leitão

APDP

Paulo Sieuve Rodrigues

Paulo Silva Santos

Paulo Silva Santos

Icone APDP

Enfermeiros

Isabel Correia

APDP

Mariana Martins

Mariana Pires

Mariana Pires

Rita Moita

APDP

Diana Martins

Tiago Ribeiro

Tiago Ribeiro

Icone APDP

Anestesiologistas

Icone APDP

Assistente operacional

APDP

Lorem ipsum

APDP

Lorem ipsum

APDP

Lorem ipsum

APDP

Lorem ipsum

Cirurgias

APDP Bloco operatório

Cirurgia de catarata

A catarata é a opacificação do cristalino. O cristalino é a lente que se encontra atrás da íris, a zona colorida do olho. Por regra é transparente, mas com o aparecimento da catarata perde a transparência e fica opaco.

E a sua visão ficará nublada e turva. Na cirurgia é removido o cristalino opacificado e é substituído por uma lente artificial – lente intraocular. Será realizada, regra geral, com anestesia local. A cirurgia da catarata é uma cirurgia segura e, por regra, bem sucedida. A probabilidade de ter complicações é baixa.

Injeções intravitreas

As injeções oculares são a introdução de um fármaco dentro do olho para que a sua ação seja mais eficaz.

Os riscos são muito reduzidos. Pode, embora seja muito raro, haver uma infeção, descolamento de retina, desenvolvimento de catarata ou hemorragia

APDP Bloco operatório
APDP Bloco operatório

Vitrectomia

Uma cirurgia da retina, também chamada vitrectomia, é uma cirurgia na qual é removido o gel que está dentro do olho – gel vítreo. Há dois motivos principais para ser realizada:

1. Hemorragia – os vasos da retina com diabetes podem sangrar e tornar o gel vítreo turvo. Se a hemorragia não se resolver espontaneamente, pode necessitar de cirurgia.

2. Tração ou descolamento da retina – se se formarem cicatrizes que provocam o risco de descolamento. São situação graves com risco de cegueira. A vitrectomia é uma cirurgia delicada e complexa.

O Espaço

Com 2 salas cirúrgicas que estão localizadas no piso -1.
Funciona de segunda a sexta e tem a sua atividade dividida por 9 tempos cirúrgicos.